Destaque Alagoas

Santa Casa de Misericórdia de Maceió

Selo Hospital Amigo da Criança foi criado pelo Unicef e OMS para estimular a amamentação

 

02 de fevereiro de 2014

 

Paulo Bonilha, representante do Ministério da Saúde, visita instalações do Hospital Nossa Senhora da GuiaA Iniciativa Hospital Amigo da Criança (Ihac) foi idealizada em 1990 pela OMS (Organização Mundial da Saúde) e pelo Unicef para promover, proteger e apoiar o aleitamento materno.

 

O objetivo é mobilizar os funcionários dos estabelecimentos de saúde para que mudem condutas e rotinas responsáveis pelos elevados índices de desmame precoce.

Para isso, foram estabelecidos os Dez Passos para o Sucesso do Aleitamento Materno.

 

Ao assinar, em 1990, a Declaração de Innocenti, na Itália, o Brasil, um dos 12 países escolhidos para dar partida à IHAC, formalizou o compromisso de fazer dos Dez Passos uma realidade nos hospitais do País.

 

Em março de 1992, o Ministério da Saúde e o Grupo de Defesa da Saúde da Criança, com o apoio do UNICEF e da OPAS (Organização Pan-Americana de Saúde), deram os primeiros passos.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação - Santa Casa de Maceió

Santa Casa de Misericórdia de Maceió

Empresa de Alagoas está entre as cinco melhores do setor saúde no Brasil, sendo a única entre as de São Paulo

 

18/09/2013

O guia de economia “As Melhores da Dinheiro - 1000 maiores empresas do Brasil” conferiu à Santa Casa de Maceió destaque em todos critérios avaliados, colocando-a entre as cinco melhores do país no setor saúde. No ranking, a Santa Casa de Maceió figura como única empresa alagoana e uma das onze do Nordeste que se sobressaíram em 2013 nos 27 setores da economia pesquisados. 
No ranking geral, a Santa Casa de Maceió ficou em quarto lugar entre as melhores do país no setor saúde, ficando ao lado de importantes nomes da medicina brasileira como as empresas de diagnóstico Fleury e DASA e os hospitais Oswaldo Cruz e Samaritano, todos de São Paulo. A Santa Casa de Maceió foi, inclusive, a única instituição não paulista presente entre as melhores.

 

 

Fonte: Assessoria de Comunicação - Santa Casa de Maceió

 

 

Empresa alagoana está entre as cinco melhores do setor saúde no Brasil

08 de setembro de 2013

Publicação da Editora Três, que edita a revista Isto É Dinheiro, destaca a Santa Casa de Misericórdia de Maceió

 

 

       O guia de economia “As Melhores da Dinheiro - As 1000 maiores empresas do Brasil” conferiu à Santa Casa de Maceió destaque em todos critérios avaliados, colocando-a entre as cinco melhores do país no setor saúde.

As empresas tiveram analisados os quesitos Governança corporativa, Sustentabilidade financeira, Inovação e qualidade, Recursos humanos e, por fim, Responsabilidade social e meio ambiente.

No ranking de As Melhores da Dinheiro, a Santa Casa de Maceió figura como única empresa alagoana e uma das onze do Nordeste que se sobressaíram em 2013 nos 27 setores da economia pesquisados.

      No ranking geral, a Santa Casa de Maceió ficou em quarto lugar entre as melhores do país no setor saúde, ficando ao lado de importantes nomes da medicina brasileira como as empresas de diagnóstico Fleury e DASA e os hospitais Oswaldo Cruz e Samaritano, todos de São Paulo. A Santa Casa de Maceió foi, inclusive, a única instituição não paulista presente entre as melhores.

     A publicação “As Melhores da Dinheiro” traz a chancela da Trevisan Escola de Negócios, a quem coube o trabalho de compilação, cruzamento e análise de dados, e das consultorias Economática e Boa Vista Serviços, responsáveis por fornecer os dados das companhias de capital aberto e fechadas, respectivamente.

     “No mês em que comemoramos 162 anos, o reconhecimento nacional conferido à Santa Casa de Maceió é motivo de orgulho para todos nós que fazemos parte da história desta instituição, mas, sobretudo, é um presente para a sociedade alagoana”, frisou o provedor Humberto Gomes de Melo, que comemora este ano dez anos de gestão à frente da instituição.

       A primeira e última vez que a Santa Casa de Maceió foi citada pelo guia da Editora Três foi em 2008, quando recebeu o destaque Sustentabilidade Financeira. No ano seguinte, com a mudança nos critérios de seleção, a Santa Casa de Maceió ficou ausente da publicação. Agora, ao invés de uma menção apenas, o complexo hospitalar recebeu nada menos que seis menções. A Editora Três também edita a revista de informação semanal Isto É.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação - Santa Casa de Maceió

 

Nossos Parceiros