Notícia

 

Hospital Nossa Senhora da Guia recebe o Selo Hospital Amigo da Criança

 

01 de fevereiro de 2014

 

Uma criteriosa auditoria conferiu “in loco” que a unidade atende aos dez passos da amamentação

 

 Ministério da Saúde, em nome da Organização Mundial de Saúde e do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), entregou na última quarta-feira (29) o selo Hospital Amigo da Criança ao Hospital Nossa Senhora da Guia. Mantida pela Santa Casa de Maceió, a unidade materno-infantil atende exclusivamente a pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS).

 

A obtenção do selo exigiu da unidade uma série de mudanças em procedimentos, cursos de capacitação, envolvimento de profissionais e investimentos na estrutura física do hospital. Uma criteriosa auditoria na unidade, realizada por técnicos de Brasília, conferiu “in loco” que a unidade atendia aos dez passos da amamentação definidos pela OMS e pelo Unicef.

 

Os dez passos definem que o hospital deve ter uma norma escrita sobre aleitamento materno (1); toda a equipe deve ser capacitada (2); as gestantes devem ser orientadas sobre o manejo da amamentação (3); a mãe deve iniciar a amamentação na primeira meia hora após o parto (4); a mãe deve amamentar e manter a lactação, mesmo se vier a ser separada do filho (5); o recém-nascido não pode receber nenhum outro alimento além do leite materno, a não ser que tenha indicação clínica (6); deve-se adotar o alojamento conjunto, com mães e bebês juntos 24 horas por dia (7); deve-se encorajar a amamentação sob livre demanda (8); não devem ser oferecidos bicos artificiais ou chupetas (9); deve-se encorajar os grupos de apoio à amamentação, para onde as mães devem ser encaminhadas após a alta hospitalar (10).

 

Na solenidade que formalizou a entrega do selo Hospital Amigo da Criança, o provedor da Santa Casa de Maceió, Humberto Gomes de Melo, deu as boas vindas ao pediatra Paulo Bonilha, coordenador geral da Saúde da Criança e Aleitamento Materno do Ministério da Saúde, e aos representantes da Secretaria de Estado da Saúde, Silvana Medeiros, e da Secretaria da Saúde de Maceió, Suzângela Dória. Agradeceu a presença dos membros da Mesa Administrativa da Santa Casa de Maceió, além de gerentes, líderes e colaboradores que participaram do evento em clima de muita festa.

 

Na solenidade, os discursos giraram em torno de temas como o papel do Hospital Nossa Senhora da Guia e a redução da mortalidade infantil em Alagoas (que no último ano alcançou uma redução de 83%, segundo o gestor estadual); a importância dos hospitais serem não apenas “Amigo da Criança”, mas também das puérperas e gestantes, visando reduzir a mortalidade materna; a necessidade dos gestores públicos estarem atentos às maternidades que privilegiam partos cesáreos (algumas chegando a inexplicáveis 93% de cesarianas); a preferência das gestantes pelo Hospital Nossa Senhora da Guia, segundo o gestor municipal; a autosustentabilidade financeira do Hospital Nossa Senhora da Guia etc.

 

Em sua fala, o provedor Humberto Gomes de Melo agradeceu a todos que trabalharam para a unidade tornar-se Hospital Amigo da Criança. O executivo exortou a equipe para que os dez passos do aleitamento materno sejam cumpridos com o mesmo nível de excelência que o Hospital Nossa Senhora da Guia conquistou dentro e fora de Alagoas desde sua inauguração.

 

“No contato com as parturientes, em minhas visitas nos fins de semana, percebo que muitas já tiveram filhos na unidade e costumam indicar o Hospital Nossa Senhora da Guia para parentes e amigos. Esse é um dos mais importantes reconhecimentos que um hospital pode receber”, disse o provedor.

 

Já o pediatra Paulo Bonilha falou sobre o desejo do Ministério da Saúde de que as maternidades adotem padrões de qualidade como o do Hospital Nossa Senhora da Guia. “A qualidade precisa estar presente na ambiência das maternidades, nas recepções e leitos e no atendimento de cada profissional do pré-natal ao pós-parto”, disse Bonilha.

 

Ele destacou também o “clima de expectativa e a participação dos profissionais da unidade em torno do selo Hospital Amigo da Criança. É visível como a equipe está comemorando este momento”, ressaltou Paulo Bonilha.

 

Falando em nome dos colaboradores e médicos do Hospital Nossa Senhora da Guia, o coordenador médico Luciano Agra falou sobre o empenho de cada um na obtenção do selo Hospital Amigo da Criança. “Foi um esforço coletivo que envolveu os profissionais da área assistencial e administrativa, a quem nós agradecemos neste momento”, resumiu Luciano Agra.

 

O título de Hospital Amigo da Criança é concedido pela OMS e Unicef às maternidades de todo o mundo que conseguem cumprir os dez passos do aleitamento materno. Uma criteriosa auditoria é pré-requisito para a concessão do selo.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação - Santa Casa de Maceió

 

Fotos: ASCOM / SCMM

 

 

 

Veja galeria de fotos

       Clique aqui      

Nossos Parceiros